sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Desabafo: os beagles do Instituto Royal

Postado por Clarice Alves às 22:23
Hoje está todo mundo achando lindo os cachorrinhos sendo resgatados do Instituto Royal, adorando o fato de que eles não mais serão usados para experimentaçãoMas botar a mão na consciência e cobrar para que as marcas parem de contratar esses laboratórios para fazer testes em animais pouca gente quer, né?

Novidade, meu bem: seu sabonete pode ter sido testado num bichinho desses. 

Acordem! Não sejam ingênuos! Resgatar animaizinhos é legal, mas o buraco é muito mais embaixo! Deixe as marcas dos cosméticos que você usa saberem que você não quer participar dessa tortura. Exija produtos não testados em animais! Não compre de quem testa!

Não faz muito sentido se sensibilizar com os beagles, se indignar com o Instituto Royal mas continuar consumindo indiscriminadamente de marcas que contratam esse tipo de laboratório.






Quem quiser saber mais sobre os testes em animais pode clicar aqui para ver algumas informações do site do PEA e aqui para ver a entrevista do presidente da Veddas à Record sobre vivissecção.

Neste link vc acompanha ao vivo o que acontece no protesto no Instituto Royal.
E se você realmente não concorda com esses experimentos cruéis e desnecessários, você pode também consultar a lista do PEA e a lista do PETA e dar sempre preferência às marcas que não participam desse tipo de testes.
Os países da União Européia e a Índia já proibiram testes em cobaias animais para fins cosméticos.
E você? De que lado você está?? Vai continuar aceitando e comprando das empresas que pagam para torturar animais ou vai dar preferência a quem está desenvolvendo tecnologias novas que não envolvem crueldade?
Quem não é parte da solução, é parte do problema. 
Não faz sentido se dizer contra os testes mas não boicotar as empresas que testam seus produtos em animais.
Afinal, se depois de saber disso tudo você não está disposto nem a trocar a marca do seu shampoo, como pode dizer que se importa??




P.S.: Diferente do que algumas pessoas entenderam, esse texto não desqualifica ou desmerece a ação dos ativistas no protesto no Instituto Royal.
Pelo contrário, foi só um desabafo meu, pois tenho visto muita incoerência esses dias. Não faz sentido aplaudir os ativistas e depois ir comprar rímel da L'Oreal (ou qualquer outra marca que teste seus produtos em animais). 

O que eu quis dizer é  que quem se importa, quem realmente acredita que os beagles (ou qualquer outro animal) não deveriam estar passando por aquilo, deveria por a mão na consciência e ver que não deve usar nenhum produto testado.

2 comentários:

sos trinta on 19 de outubro de 2013 09:22 disse...

Concordo plenamente. Não basta ser contra instituto e continuar comprando marcas que claramente fazem esses mesmos tipos de testes.

(karine)

Patricia Melo on 24 de outubro de 2013 12:37 disse...

Oi linda! Primeiramente estou agradecida por visitar meu blog e segundo pela forma que você expõe sua opinião de forma sensata. E com relação a esta questão da utilização de animais em testes, concordo com você e tanto que já estou buscando há algum tempo utilizar marcas que não usem animais nessa matança . Bjs!
www.labellepaty.blogspot.com.br

 

V de Vegana Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos